Como eu posso ajudar meus filhos a serem sábios?

Padrão

Os pais precisam aprender a dizer “Sim”.

Image

O trabalho dos pais é muito delicado, e é precioso, porque a vida inteira da criança depende disso. Não lhe dê nenhum programa positivo – ajude-a de toda maneira possível no que ela quiser.

Por exemplo, eu costumava subir em árvores. Agora, são poucas as árvores que são seguras para se subir: seus galhos são fortes, seus troncos são fortes. Você pode até subir ao topo mais alto, e mesmo assim não precisará sentir medo que um galho irá quebrar. Mas há algumas árvores que são bem delicadas.

Porque eu costumava subir em árvores para pegar mangas, jambos – outra fruta bonita – a minha família era muito preocupada e sempre mandava alguém me impedir.

Eu disse ao meu pai, “Ao invés de me impedir, por favor me explique quais árvores são perigosas – para que eu possa evitá-las – e quais árvores não são perigosas, que então poderei subir nelas. Mas se você tentar me impedir de subir, haverá um perigo: eu posso subir na árvore errada, e a responsabilidade será sua. Eu não vou parar de subir, eu adoro fazer isso”.

É uma das mais belas experiências estar no topo de uma árvore sob o sol com o vento forte e toda a árvore dançando – uma experiência muito nutritiva.

Eu disse, “Eu não vou parar de fazer isso. O seu trabalho é me dizer exatamente em que árvores eu não devo subir – porque eu posso cair delas, posso ter fraturas, posso danificar o meu corpo. Mas não me dê uma ordem vazia: ‘Pare de subir’. Isso eu não vou fazer”.

E ele teve que ir comigo pela cidade e me mostrar quais árvores são perigosas. Então eu lhe fiz a segunda pergunta: “Você conhece algum bom escalador na cidade que pode me ensinar até mesmo a subir nas árvores perigosas?”

Ele disse, “Você é demais! Agora isto está indo muito longe. Você me disse, eu o entendi…”

Eu disse, “Eu vou obedecer, porque me propus a isso. Mas as árvores que você está falando que são perigosas são irresistíveis, porque jambos – uma fruta indiana – crescem nelas. Elas são realmente deliciosas, e quando estão maduras eu posso não conseguir resistir à tentação. Você é meu pai, é o seu dever… você deve conhecer alguém que pode me ajudar.”

Ele disse, “Se eu soubesse que ser pai fosse ser tão difícil, eu nunca teria sido pai – pelo menos não de você! Sim, eu conheço um homem” – e ele me apresentou a um velho homem que era um escalador raro, o melhor. Ele era um lenhador, e ele era tão velho que você não acreditaria que ele poderia cortar madeira.

Ele somente fazia trabalhos raros, que ninguém mais estava preparado para fazer… grandes árvores que estavam se expandido sobre as casas – ele iria cortar os galhos. Ele era um expert, e ele fazia sem danificar suas raízes ou as casas.

Primeiro ele amarraria os galhos a outros galhos com cordas. Então ele cortaria esses galhos e então com as cordas puxaria os outros galhos para longe da casa e deixaria que caíssem no chão. E ele era tão velho!

Mas sempre que havia uma situação como essa, quando nenhum outro lenhador estava preparado, ele estava preparado. Então meu pai disse para ele, “Ensine-o alguma coisa, especialmente sobre árvores que são perigosas, que podem quebrar. Galhos podem quebrar…” e eu já havia caído duas, três vezes – eu ainda tenho as marcas nas minhas pernas.

Aquele velho homem olhou para mim e disse, “Ninguém nunca veio até mim, especialmente um pai trazendo um menino…! É uma coisa perigosa, mas se ele ama fazer isso, eu adoraria ensiná-lo.” E ele estava me ensinando como lidar com a subida em árvores que eram perigosas.

Ele me mostrou todos os tipos de estratégias de como se proteger: Se você quer ir bem alto na árvore e não quer cair no chão, então primeiro amarre-se com uma corda em um ponto que você sente que a árvore é forte o suficiente e então suba. Se você cair, você ficará pendurado pela corda, mas você não cairá no chão. E isso realmente me ajudou; desde então eu nunca mais caí!

A função de um pai ou uma mãe é ótima, porque eles estão trazendo um novo hóspede para o mundo – que não sabe nada, mas que traz consigo algum potencial. E a menos que esse potencial cresça, ele permanecerá infeliz.

Nenhum pai ou mãe gosta de pensar que seus filhos permanecem infelizes; eles querem que sejam felizes. A questão é que o pensamento deles está errado. Eles pensam que se tornarem-se doutores, se tornarem professores, engenheiros, cientistas, então eles serão felizes. Eles não sabem! Eles somente serão felizes se tornarem-se o que eles vieram para ser. Ele somente podem se tornar a semente que estão carregando dentro de si mesmos.

Portanto, ajude de toda maneira possível para proporcionar liberdade, para dar oportunidades. Geralmente, se uma criança pergunta qualquer coisa à mãe, sem nem mesmo escutar a criança, ao que ela está dizendo, a mãe simplesmente diz não.

“Não” é uma palavra autoritária; “sim” não é. Desse modo nem pai nem mãe ou qualquer outra pessoa que está em autoridade que dizer sim – para qualquer coisa comum. A criança quer brincar fora da casa: “Não!” A criança que sair enquanto está chovendo lá fora e quer dançar na chuva: “Não! Você vai pegar um resfriado.”

Um resfriado não é um câncer, mas a criança que foi impedida de dançar na chuva, e que nunca mais pôde dançar novamente, perdeu algo formidável, algo realmente bonito. O resfriado poderia ter valido a pena – e não é como se necessariamente ela fosse pegar um resfriado.

Na verdade, quanto mais você protegê-la, mais ela se tornará vulnerável. Quanto mais você a permitir, mais ela se tornará imune. Os pais precisam aprender a dizer sim. Em noventa e nove por cento das vezes que eles geralmente dizem não, não é senão somente para mostrar autoridade.

Todo mundo não pode se tornar o presidente de um país, não pode ter autoridade sobre milhões de pessoas. Mas todo mundo pode se tornar um marido, pode ter autoridade sobre sua esposa; toda esposa pode se tornar uma mãe, pode ter autoridade sobre o filho; todo filho pode ter um ursinho, e ter autoridade sobre o ursinho…chutá-lo de um canto a outro, dar uns bons tapas, tapas que ele realmente queria estar dando na mãe ou no pai. E o pobre ursinho não tem ninguém abaixo dele.

Isto é uma sociedade autoritária. O que eu estou dizendo é que criando crianças que tenham liberdade, que tenham ouvido “sim” e que raramente tenham ouvido “não”, a sociedade autoritária desaparecerá. Nós teremos uma sociedade mais humanitária.

OSHO

Sobre danipeternel

A mãe mais felizzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz :) "Três coisas agradeço a Deus todos os dias de minha vida:o ter-me permitido o conhecimento de sua obra,o haver acendido a lâmpada da fé na minha treva material e o ter-me dado outra vida a esperar depois desta". (Frei Anselmo)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s